quinta-feira, março 15

Relaxamento

Depois de algumas semanas de stress, de coisas a fazer para ontem, qualquer tentativa de meditação acaba num turbilhão de pensamentos que se afogam num poço de sono. Não é fácil, quando se é principiante.

Por isso sento-me por momentos, de olhos abertos, contemplando com ar pateta a tarde de quase Verão.
As flores que aparecem por todo o lado abrem-se em mandalas de significado incerto.
Os pássaros entoam hinos ao amor e os insectos inventam mantras na sua procura aérea de significado para o dia.

Lentamente a respiração vai-se afundando e o relógio interno parece finalmente conseguir acertar-se.
Não é a mesma coisa, eu sei. Mas sabe tão bem!

5 Comments:

Blogger Avusa said...

comoves-me...

3/16/2007 11:04 da manhã  
Blogger Daterra said...

eu creio que é a mesma coisa sim -
essa experiência cosciente de nós próprios.

Abraço e bom fim-de-semana:)

3/16/2007 10:22 da tarde  
Blogger cris said...

Ao ler o teu post relembrei que belos presentes a natureza nos dá...

Abraço e um dia muito feliz!

3/19/2007 12:49 da tarde  
Blogger sa.ra said...

a contemplação da natureza é também uma forma de meditar! afinal o objectivo é conduzir a um estado meditativo, ao ser meditativo - uma forma de união, de ligação consciente, desperta, participativa! Una e coesa com o silêncio interior!
a natureza é um canal! eu sinto isso!

beijinhos!
dia muito feliz!

3/19/2007 5:40 da tarde  
Blogger Sara said...

sempre bom para relaxar, espero ter algum tempo esta semana, a verdade é que eu sempre tento fazer o que eu acho que vai encontrar um bom lugar para fazê-lo no site do Kekanto

6/03/2013 1:31 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home